terça-feira, 19 de julho de 2011

indulge

Enquanto eu vou torturando-me por achar que a esperança ainda flameja, me deleito por seus carinhos, seus sorrisos, seus olhares.. o que transforma qualquer momento tumultuado e barulhento em somente seu. Cada pensamento, cada corpo, tem-se você impregnado, legitimamente tomado por seu cheiro, voz e presença. Toda a amizade lindamente posicionada que temos, canaliza-se por singelos momentos que passamos juntos, ou talvez não tão singelos assim pra mim. Rimos como bobos, sem nos preocupar se os outros entenderam ou não, só interessa o nosso saber, o nosso entender. Você age de forma que eu não consigo resistir a não consentir com isso, o máximo que tenho conseguido aguentar é me segurar pra não acariciá-lo também, não procurá-lo. Será que até quando eu aguento? Tudo o que você faz, me traz ainda mais pra você, indo contra a tudo o que eu planejo. Estou me envolvendo cada vez mais, o que eu não deveria, correndo risco da queda ser ainda maior.

você decorou meu manual ?

Cada dia que passa, mais confusa eu fico.. você sabe que eu gosto de você pelo o que você é e não por qualquer coisa...Já que sabe que eu gosto de você, por que faz as coisas que eu mais gosto!? Como sabe?! Adoro quando vemos filme juntos, agarradinhos trocando cafunés; e você meio que me pedindo carinho, mas ao mesmo tempo tão solidário a dá-lo a mim; com seus apertos de cintura extasiantes; suas brincadeirinhas com os dedos dos pés; sua cabecinha na minha barriga, nossos pés juntinhos; nossa preocupação se o outro esta confortável, capaz de ficarmos tortos pra o outro ficar bem; nossas guerrinhas fofas; suas mordidinhas; sua respiração; seu senso de humor; sua forma de me fazer bem; seu carisma;  o fato de você me levar pra todos os lugar e me apresentar a todos os seus conhecidos; o fato de nos entendermos; de coincidir nossos pensamentos; nossas brincadeiras idiotas mas que nos viramos de rir .. são tantos prós que vejo em você. Será que não estou cega de amores? porque quase não consigo ver seus defeitos, os que me lembro, são os que eu ouvi como alerta, mas logo me vem uma característica boa sua, que arremata meus olhos pra brilharem. Será que você tem isso sobre mim? No fundo eu acho que não, mas com todas as suas atitudes, me fizeram esquecer dos meus princípios e achismos e me concentrarem só nas coisa boas e no otimismo sobre nosso futuro juntos. Só me resta saber se devo abdicar do meu orgulho depois de tudo em prol de suprir o meu desejo de você.

presunçoso orgulho

Ouvi coisas sobre você que me entristeceram, mas ao mesmo tempo, vi que por alguns toques de amigos seus, que eu de alguma  forma conquistei-os e os tenho ao meu lado nessa história, referentes  a essas concepções suas, eu me destaquei. Tenho notado desde então, uma mudança no seu olhar sobre mim, sobre essa situação cabulosa, mas clichê, de dois melhores amigos, com uma apaixonada pelo outro.. Em meio a toda essa sanguessuga saga, que a cada vez que eu tento me destacar desse sentimento, mais formas diferentes e totalmente agradáveis para mim, você inventa, que me deixam fora de si por alguns minutos, até que o meu presunçoso orgulho vem a me lembrar, que preciso me valorizar, preciso me desvincular. A cada toque seu, por mais intenso e desejoso que seja, me forço a ser passiva a tudo isso! Você me toca, me abraça me morde e eu não faço nada em relação a isso, só me delicio ao te-lo junto a mim além de mentalmente. Depois de horas juntas com você, na volta venho desfibrilando em meus pensamentos todos os possiveis significados de suas atitudes, de suas palavras.. Devo ser uma bobona mesmo. Mesmo acreditando no não sentimento dele por mim, ainda penso, espero, torço pra que ele aja assim comigo, pra que um dia enfim, ele se de conta de que sou eu quem ele quer ao lado, não mais só como amiga, ou como os amigos dele disseram: 'dando valor' a ele.. Não sei se fico contente com essa mudança de postura dele. Eu to adorando, mas no fundo tenho fortes álibis de que ele gosta dessa situação e que não deve sentir o mesmo que sinto por ele.. Enquanto isso, mantenho-me firme e forte, soberana a seus toques e olhares!

terça-feira, 5 de julho de 2011

tendencia e pensamento de gorda não combinam com sofrimento

Ta sendo difícil me conformar, mas estou engajada a acreditar que não tem mais chance. Ta me corroendo por dentro, ou melhor esta me enchendo por dentro! Tenho que começar a parar de ficar nessa pseudo fossa e me valorizar, ficar linda, magra, gostosa, pra no minimo se não faze-lo se arrepender, me ajudar a curtir a vida e esquecer mais facilmente do cego que não me enxergou. Faz parte da vida sofrer, só não contava, que fosse por você, mas é isso.. vou tentar usar minhas forças pra fechar a boca, porque ele não pode fazer mais mal a mim. Além do meu coração, está afetando também minha auto estima? NO WAY, baby! Usar isso a favor de mim. Força! 

tentando me restruturar

Depois de sofrer, pedir por uma resposta, chorar e ouvir um 'vamos ver', apos várias atitudes contraditórias sobre seus reais interesses, vejo que o jeito é eu cair na real. Deixar pra lá, e seguir minha vida como antes por enquanto, sozinha, ou  como por muito tempo sozinha.. ué, fazer o que? não procuro, quando eu acho que a pessoa vale a pena, me surpreendo e tomo uma rasteira singela, mas tão amarga como qualquer outra. Talvez eu deva mesmo é aprender que eu fui feita pra ficar sozinha, não me entregar pra qualquer um, que quando vier o meu, é pra ser especial e ser O MEU e ai sim será perfeito. Serão poucos, mas serão de qualidade (eu espero). Então vou me desligar a partir de então de você, que não consegue ver que eu seria perfeita pra você, que em mim você teria tudo o que sempre quis.. Mas não irei ficar me lamentando, ao menos não aparentemente. Irei me afastar um pouco, por mais difícil que seja, mas talvez assim seja mais fácil pra mim te esquecer, ou mais fácil pra você perceber o que se passa em seu coração, sobre mim, ou talvez, sobre qualquer outra pessoa, outra circunstancia. Até porque, imagino quais sejam os seus contras a essa relação, talvez com esse meu desligamento de sua vida, tudo fique mais claro. Então desculpe-me a grosseria, mas é a melhor maneira de começar/terminar isso tudo.. 

sábado, 2 de julho de 2011

por que assim?

Cada vez que eu me preparo pra tudo ficar como antes no meu coração, você sempre consegue fazer alguma coisa, que me faz voltar a acreditar que será possível, que iremos tentar, mas ao mesmo tempo que você está envergonhado, e, ao mesmo tempo, que você não quer.. como consigo entender?! Ainda não ouvi de você o não, mas com certas atitudes, tenho quase que escrito como um letreiro em meus pensamentos que a resposta será mesmo essa. Você tem agido de forma tão confusa, ora uma, ora outra, mas que me magoam! Não sou mais criança, consigo controlar alguns meus sentimentos, por isso talvez, você não tenha noção de que, o que você tá fazendo não me faz bem, me deixa mal, me faz chorar quando sozinha. As mesmas forças que me seguram pra não te pegar e dar-lhe um beijo; são as que me fazem controlar quando você age dessa forma. Forma tal, que eu não conhecia.Não imaginava que você fosse desse tipo, que você fosse capaz de agir assim, ainda mais comigo, que sou, antes de tudo, sua melhor amiga. E não sou apenas eu que esta dizendo que essa atitude não é de seu feitio. Até entendo se você não quiser mesmo e que talvez, essa tenha sido a maneira que você encontrou pra me dizer sua resposta, porém, pode ser mais comodo pra você, mas pra mim nenhum pouco! E que você esteja tentando manter as coisas como antes, como eu mesma pedi, mas que fica nervoso, e acaba extrapolando .. mas só peço que não tenha pena de mim, e sim, respeito. Penso até em me afastar, mas não sei se consigo ficar longe da sua amizade, que é tão presente na minha vida, mas vou tentar. Deve ser o melhor a ser feito. Não quero me magoar mais, se essa for realmente a resposta, não quero que você fique desconfortável só porque eu to do seu lado,e não quero que mude nossa amizade porque vai passar, vou me recuperar, vai passar!!
Related Posts with Thumbnails