domingo, 6 de março de 2011

marry me?

Suas palavras mexem comigo como se eu fosse uma criança ingênua! Suas brincadeiras, suas palhaçadas e seu jeito fofo de me dizer algo sobre nós, relembrar do passado maravilhoso que tivemos juntos; seu senso de humor, me deixa confusa, se o que fala é verdade ou não. Me deixa presa num abismo de suposições sobre suas pequenas fofas e engraçadas palavras. Cada dia que passa, mais eu acredito que você me quer de volta. Porém, a cada minuto que passa, invento uma maneira de tentar fazer com que o que você diz, seja apenas uma brincadeira, que nada é real. Só mais um fruto de seu ar palhaço! 
Sou pega de surpresa durante uma conversa com essas palavras: 'casa comigo?' . E por impulso, mas ao mesmo tempo embarcando na atmosfera brincalhona, digo repito e friso que caso! E é a mais pura verdade. Não sei se estou sendo impetuosa, mas seu pedido me pareceu tão tentador, era quase o que eu pedia, mas muito mais do que eu queria! Não poderia ter sido um melhor pedido, mesmo que de brincadeira, mas foi fofo.. e mais suposições sobre a sua real intenção, me levando a loucura e ao mesmo tempo a alegria. Bolar a lua de mel, alguns detalhes, me fizeram esquecer de tudo o que você me causou e todo o sentimento renascer quase que por completo, por você denovo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails