sexta-feira, 2 de julho de 2010

Meus olhos ,

prenderam-se aos dele e senti, em meu estado de total lucidez, que sabia exatamente o que ele pensava. e esta então foi a hora certa que percebi a real intensidade de um sentimento verdadeiro e duradouro. eu estava feliz demais para, pelo menos tentar crer no contrário.



Clarice Lispector

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails